O governador Ibaneis Rocha (MDB), antes de chegar na cadeira do Palácio do Buriti, havia dito que o seu governo, seria um "governo sem mordomias" e, nesse sentido, não ia querer salário, não ia fazer uso da residência e nem do carro oficial e assim vem cumprindo com a palavra, o que gera economia aos cofres públicos e faz dele o governador mais econômico do Brasil.  Até o final de seu mandato, o governador atingirá uma doação de R$ 930 mil reais para 4 instituições filantrópicas

Foto: Renato Santos.

Para muito além de obras grandiosas como o Túnel de Taguatinga ou o Viaduto do Recanto das Emas/Riacho Fundo II, e por determinação do governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (MDB), a ordem é que o GDF cuide de pessoas ao garantir acesso à educação, alimentação, trabalho e benefícios sociais que atendem a famílias inteiras, incluindo pais, filhos e avós. Os números mostram que os programas sociais do governo têm mudado a vida da população brasiliense.

"Trabalhamos com muito carinho todos os dias para dar o melhor a quem mais precisa. Fizemos esforços no governo para trazer segurança alimentar aos moradores do DF. Um exemplo são os 14 Restaurantes Comunitários, que fornecem diariamente cerca de 22 mil refeições com alimentação balanceada e saudável, no valor reduzido de R$ 1 o almoço e R$ 0,50 o café da manhã", comentou o governador Ibaneis Rocha.

Veja os números do social do governo Ibaneis Rocha:
  1. 175 mil pessoas são beneficiadas com o Cartão Prato Cheio;
  2. 350 mil pessoas com o Cartão Gás;
  3. 370 mil cestas já distribuídas, entre Cestas Verdes e Cestas Básicas;
  4. São incentivos como esses que mostram o cuidado que temos para garantir a segurança alimentar das famílias do Distrito Federal.
Compartilhar:

Fernando Melo

Comente:

0 comentários